• Indústria
  • 26 de janeiro de 2022

O que você precisa saber para aplicar a integração de dados na indústria

O avanço tecnológico ocorrido nos últimos tempos oportunizou às indústrias a possibilidade de utilizar informações capturadas por softwares para aprimorar as tomadas de decisões de seus gestores. A aplicação de um sistema de Buesiness Intelligence se tornou indispensável para o atendimento das demandas do mercado e para o sucesso dos empreendimentos.

Mas para tornar os processos industriais ainda mais eficientes é necessário investir em ferramentas que facilitam a segurança e integração de dados, as quais são grandes aliadas das indústrias. Esses investimentos facilitam a gestão dos negócios, bem como a comunicação interna e externa. Neste post, vamos explicar como funciona essa reunião de informações de fontes distintas.

Gostaria de entender por que é importante integrar os dados na indústria? Acompanhe a leitura!

O que é a integração de dados e como essa prática funciona?

A maioria das indústrias utiliza várias fontes para a obtenção de dados que são relevantes para praticamente todas as etapas da sua produção. As soluções tecnológicas captam informações sobre os clientes, gargalos no fornecimento de insumos, problemas não atendidos pelo mercado, inconsistências no processo produtivo e muito mais.

A integração de dados significa combinar essas informações oriundas de diversas fontes e unificá-las para que os profissionais consigam ter uma visão completa do cenário industrial. Trata-se de um processo significativo que atende várias situações, pois a informação é um ativo muito valioso que revela chances de melhorias e diminuição de falhas.

Portanto, os dados são organizados e analisados com mais facilidade após a sua centralização em um único ambiente. Os colaboradores conseguem emitir e acessar relatórios necessários à obtenção de insights que ajudarão na elaboração de novas estratégias. O sistema de integração recolhe todas as informações da indústria e as organiza para que ajudem a promover o crescimento dos negócios.

Por que é importante integrar os dados na indústria?

O processo de sincronização das informações da indústria em um sistema único é importante para a sua administração ser mais efetiva. Uma ferramenta recebe os dados produzidos em diferentes departamentos, transforma-os e os deixa à disposição em um ambiente virtual. Veja, a seguir, as razões pelas quais é aconselhável integrar os dados de um negócio!

Simplifica os processos

A simplificação dos dados auxilia na sua compreensão pelos profissionais responsáveis pela gestão da indústria. Essa ação é executada pela solução tecnológica utilizada que mostra as fontes das informações, revela como elas foram organizadas e aponta a função de cada uma. Com isso são efetuadas análises que servirão para simplificar os processos e as rotinas do empreendimento.

Melhora a organização

O uso de aplicações variadas pelas organizações pode dificultar o gerenciamento de um negócio. A integração dos dados, por sua vez, diminui a complexidade das avaliações feitas pelos gerentes e melhora a organização de informações relevantes. A tecnologia escolhida possibilita a navegação e a administração da informação em um único dashboard.

Oferece economia

Integrar os dados faz com que as informações fiquem disponíveis em tempo integral. Diante disso, a indústria obtém economia de recursos ao manusear informação precisa e valiosa. Com a integração outros setores terão acesso ao sistema, o atendimento ao cliente melhora, as vendas aumentam, os processos são aprimorados e os ativos gerenciados com assertividade.

Traz mais agilidade

A integração dos dados confere maior agilidade na indústria, tendo em vista que simplifica as rotinas produtivas e agiliza os demais processos. Os colaboradores podem acessar as informações em uma única tela e aumentar a sua produtividade ao invés de buscá-las em várias fontes. Sendo assim, há economia de tempo e a busca se torna mais ágil.

Como aplicar a integração de dados na indústria?

As informações sincronizadas auxiliam os colaboradores na percepção do desempenho da indústria. Com os dados conectados pode-se medir de forma precisa e eficiente as estratégias de marketing, vendas, entre outras. A integração permite o entendimento de vários elementos do negócio para promover melhorias em seus resultados. Observe abaixo algumas dicas importantes!

Mapeie os dados da indústria

O primeiro passo para a integração dos dados na indústria é realizar uma mapeamento completo e registrar todas as suas fontes. Os dados sujos comprometem e prejudicam as tomadas de decisões dos líderes. Já os limpos são aqueles que já foram processados, estão completos e precisos para embasar as escolhas dos profissionais.

Invista em uma ferramenta que tenha credibilidade no mercado e possibilite o monitoramento dos processos. Uma solução ideal possibilita o acompanhamento de todas as rotinas operacionais, o relacionamento com os clientes, fornecedores e parceiros, assim como garante a atualização e a clareza das informações coletadas e organizadas de modo apropriado.

Treine os colaboradores

Treinar os colaboradores é um investimento que vai prepará-los para usar a solução da maneira correta. Esses profissionais precisam ser preparados e orientados para que aproveitem ao máximo os benefícios provenientes da integração de dados. São eles que vão controlar e operar o sistema, realizar as análises dos resultados etc.

Conheça as ferramentas de integração de dados

É necessário ter conhecimento das ferramentas de integração de dados para escolher a melhor opção para a sua indústria. Existem tecnologias especializadas que são compatíveis com outros sistemas já utilizados, pois cada uma delas é planejada com determinado objetivo. Selecione uma que permita o uso das informações em aplicações de terceiros.

Escolha um sistema especializado

Ao escolher um sistema para fazer a integração dos dados, verifique se ele atende as necessidades da indústria e oferece um excelente custo-benefício. Há soluções inteligentes que proporcionam uma sincronização mais certeira e se você fizer a escolha errada poderá ter dificuldades na gestão, além de gastos imprevistos. Faça uma boa pesquisa para evitar desperdícios.

Uma ferramenta inadequada gera gastos desnecessários e faz com que os profissionais percam o interesse em tentar otimizar os processos. Tenha calma para encontrar um sistema que se encaixe em suas demandas e que ofereça flexibilidade. Avalie o suporte oferecido pelo fornecedor da solução por que precisará de auxílio em certos momentos.

Enfim, agora você já sabe o que precisa para aplicar a integração de dados na indústria! Saiba que é importante manter as informações sempre atualizadas e que a falta de integração entre elas pode impactar negativamente a indústria. A automação, sincronização e centralização potencializam a gestão e contribuem para a otimização da execução das tarefas.

Deseja saber um pouco mais sobre o assunto? Então continue lendo sobre segurança da informação na indústria 4.0!

Quer ficar por dentro das nossas novidades?

Assine nossa newsletter